Filme: Frida Kahlo

Recentemente assisti o filme que conta a história de vida da Frida Kahlo , uma pintora mexicana que faleceu cedo (na minha opinião) ao...


Recentemente assisti o filme que conta a história de vida da Frida Kahlo, uma pintora mexicana que faleceu cedo (na minha opinião) aos seus 47 anos de vida, e que ainda faz um sucesso enorme pelo mundo todo. Ela hoje é um exemplo de superação e de uma mulher forte, por isso você vê tanta gente tendo ela como ícone de exemplo, se você assistir irá entender o que estou falando, porque só lendo as histórias que contam por ai não é o suficiente. 

O filme conta a história da Frida com todos os detalhes mais importantes da vida dela, ele começa na sua adolescência e vai até sua morte, contanto fatos como seu trágico acidente que a prejudicou em diversos momentos da vida, como conheceu seu marido Diego Rivera, que também era um grande pintor, algumas de suas viagens pelo mundo, como uma que ela foi para Paris e virou capa da Vogue, e quando ela hospedou Trotsky (organizador do Exército Vermelho e, rival de Stalin que disputavam o poder pelo Partido Comunista da União Soviética) em sua casa

O drama biográfico mais que merecido ganhou vários prêmios, como no OSCAR nas categorias de melhor maquiagem e melhor trilha-sonora. A atriz principal (Salma Hayek) foi indicada a melhor atriz graças a esse papel. 

Cenas do filme Frida

Enredo:
O filme mostra a vida de Kahlo desde a sua adolescência até a morte. Frida Kahlo foi um dos principais nomes da história artística do México. Conceituada e aclamada como pintora, ela teve também um casamento aberto com Diego Rivera, seu companheiro também nas artes, e ainda um controverso caso com o político Leon Trostky e com várias outras mulheres.

Data de lançamento: 25 de outubro de 2002

Gênero: Drama biográfico

O que achei: Preciso dizer em primeiro lugar que quando conheci a história dela por textos, não gostei de nada (não me julguem!), mas assistindo a biografia obtive uma opinião completamente diferente, é incrível o poder de um filme. Cada pintura dela representava um momento de sua vida, mais tristes do que felizes, isso é fato, mas nem por isso deixam de ler lindas. Os quadros eu só conhecia alguns por imagens do Pinterest, e poder ver o que cada um significava abriu meus olhos. 

De cara não gostei do seu marido (ele era 20 anos mais velho do que ela), a primeira cena dele já uma coisa errada, traição, o homem não sabe ser fiel com nenhuma mulher, isso eu definitivamente não gosto, eu sei que lá no final, bem final mesmo, ele muda. Enquanto isso, Frida passa pelo que qualquer carreira passa, altos e baixos, até chegar no topo e nunca mais descer. Ela era um exemplo de mulher, que superou todas as dores de sua doença e das sequelas de um acidente de ônibus que aconteceu em sua adolescência, atingindo sua coluna e a deixando estéril pelo fato de um dos ferros ter atravessado sua vagina durante o acidente, isso a deixou imóvel por muito tempo. Como ela não podia ir para escola, nem sair, começou a dedicar seu tempo na cama as pinturas, fazia lindas artes do que ela pensava ou imaginava até se recuperar e ir atrás do seu sonho. 

O filme é muito bom, eu recomendo demais, tem algumas cenas que emocionam como qualquer um que tenha drama, mas nada tão forte. Ele está disponível na Netflix, a duração é de 2 horas e uns minutinhos, pra mim é pouco porque ele é tão bom que passa rápido esse tempo. 

Já assistiram ele ? me contem o que acharam. Até o próximo post   


Relacionados

13 comentários

  1. Solange L.26/6/18

    Nunca assisti ele, mas parece ser ótimo, já irei add a minha lista!

    beijos

    ResponderExcluir
  2. Adorei sua resenha, sempre tive curiosidade para assistir ao filme, que todos comentão como inspiração. E como você falou é preciso assistir ao filme, para poder compreender toda a historia. Gostei da dica, vou tentar assistir ao filme esse semana.
    Beijos boa semana
    http://bellapagina.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Adorei a resenha, nunca parei para assistir ele de verdade, já vi uma duas vezes pela metade mas agora com a sua resenha senti necessidade de parar e ler!
    Um beijo,
    espelho do Reino <3

    ResponderExcluir
  4. Thais Silva26/6/18

    Amei sua resenha, já gostei do filme pelo que disse, irei assistir agora mesmo!

    beijinhos

    ResponderExcluir
  5. Beatriz Cardoso26/6/18

    AMO A FRIDA! já viu a pintura dela "o coração" !? minha arte favorita dela. Ela é um exemplo do feminismo e eu amo isso.

    ResponderExcluir
  6. Love that film.
    Salma Hayek really did a good acting job
    in that movie.

    Ann
    https://roomsofinspiration.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Sabrina, eu não assisti a esse filme ainda, mas morro de vontade!
    Não conheço direito a história dela e é uma chance para eu me atualizar. xD

    Beijo!
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
  8. Eu queria assistir mas sabe quando você deixa passar?
    Vou atrás! Gosto de filmes assim!
    beijooo ;)
    Jake
    Blog Jake Badulake

    ResponderExcluir
  9. amazing post honey! really great!
    kisses from Poland :*

    ResponderExcluir
  10. She is amazing! I love her. great post

    ResponderExcluir
  11. I'd love to see it, must be really interesting ^^
    xx

    ResponderExcluir
  12. ja vi esse filme ha uns anos atras e como me interesso muito pela vida da artista achei ótimo! mt legal vc indicar por aqui!

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  13. Sophia Hills28/6/18

    She is so amazing *-* my mom love her's story. This movie is so great.

    xoxo

    ResponderExcluir